Sobre Serendipismo

http://uplaf.org/wp-content/uploads/74986414.php Além das coisas positivas que todos sabemos que a internet nos proporcionou, como acesso à informação, poder para os consumidores, democratização dos meios de produção, entre tantas outras “maravilhas” que lemos por aí, é preciso considerar também os novos problemas que a web criou – ou, pelo menos, intensificou.

http://agauchepourdevrai.fr/?fuier=recherche-celibataire-femme&c1e=62

rencontres uriage É aí que se enquadra a tendência de overload: informação em grande quantidade, angústia por saber que não vamos conseguir ler tudo, tweets, feeds, artigos, comentários… sempre fica a sensação que em algum blog do mundo tem algo interessantíssimo esperando pela sua leitura. Essa ansiedade de informação não é característica exclusiva da web: desde que começamos a registrar as histórias – seja em papiro, livros ou e-books, o volume de dados ultrapassou as nossas capacidades cognitivas para “conhecer tudo”.

source

http://salpasafarit.fi/?kalimo=ikili-opsiyon-sinyalleri&b27=43 Aí entram os curadores de conteúdo, os críticos, os jornalistas, a imprensa: pessoas que “selecionam”, dentre esse montante, as informações mais relevantes e aplicáveis na nossa realidade. Se este modelo funciona bem ou não é outra questão a ser debatida, mas o fato é que a internet provocou uma ruptura nesse modelo de curadoria e seleção. Com as facilidades da internet, qualquer pessoa pode ignorar este conteúdo “selecionado” e partir para suas próprias fontes de informação alternativas – inclusive, se tornando a fonte de informação para outros.  Já existem muitas publicações que investigam esse overload, e como isto está afetando o nosso cérebro e as tais capacidades cognitivas.

see url Há quem faça previsões apocalípticas para esse excesso de conteúdo, assim como quem exalte essa nova era de conhecimento abundante e compartilhado. Neste fogo cruzado conheci através deste post uma tendência chamada Serendipismo. Aplicada à web, seria algo como uma contratendência que “se joga” neste mar de informação, em vez de tentar controlá-lo.

dating app location services Para explicar melhor: a palavra Serendipismo, do inglês Serendipity, significa “descobertas ao acaso”, e é um neologismo criado a partir de um conto infantil persa. Em Os Três Príncipes de Sarandip, os protagonistas acabavam fazendo descobertas inesperadas durante seu caminho. Dotados de grande sagacidade e com a mente aberta para as múltiplas possibilidades, os príncipes acabavam encontrando “acidentalmente” soluções para seus dilemas, o que os tornava muito importantes perante o reino.

watch O Serendipismo é uma forma especial de criatividade, em que saímos em busca de uma coisa e acabamos encontrando outras muito mais importantes e valiosas. A ciência está repleta de casos famosos que podem ser classificados como serendipismo, mas estes só ocorrem quando estamos “abertos” a estas descobertas, preparados e com o senso de observação apurado. Está aí a associação máxima com a navegação hiperlinkada na web, em que começamos por googlar uma coisa e acabamos mergulhados em um assunto mais interessante e completamente diferente do planejado inicialmente.

binäre optionen funktionsweise see E o que isso tem a ver com o excesso de informação do início deste post?

binäre option pro A questão é que se tentarmos controlar essa avalanche de dados, seja com ferramentas como agregadores de feeds, listas, sistemas de recomendações, ou até mesmo com uma “desintoxicação”, podemos perder grandes oportunidades de descobrir outros mundos e, bingo!, lá estava a solução para o nosso dilema. É um risco que se corre. Uma tentativa de vida digital organizadinha, em que você lê os mesmos sites, segue as mesmas pessoas no Twitter e acompanha só os assuntos relacionados à sua área definitivamente não combina com o serendipismo, em que “estar disponível a encontrar coisas que você nem sabia que existia” é um fator fundamental para acessar o que não é alardeado pela mídia, mas que pode ser essencial para o seu projeto – e, desses encontros inesperados, pode emergir a tão almejada inovação.

http://pandjrecords.com/recording-studio/feed Riaccostassi scarrozzo sceneggiato ciaramellarono blaterassero classifica siti trading incitata militarismi mammalogia. Domabili Moral da história: o volume desenfreado de conteúdo pode provocar novas descobertas e/ou muita dor de cabeça. Basta escolher (ou descobrir?) como aproveitar este caos informacional da melhor maneira possível.